Notícias

‘Nós não faremos aventura na economia’, afirma Bolsonaro

Declaração foi dada pelo presidente durante entrevista ao lado do ministro da Economia, Paulo Guedes

Na tarde desta sexta-feira (22), o presidente Jair Bolsonaro e o ministro da Economia, Paulo Guedes, concederam uma entrevista à imprensa para falar sobre uma “crise no mercado”. Eles explicaram o Auxílio Brasil planejado pelo governo, no valor de R$ 400, e deixaram claro que não haverá “aventura” na economia.

Bolsonaro iniciou seu discurso falando sobre os problemas ocasionados pela pandemia e afirmou que o Brasil é um dos países que menos sofre. Ele ainda garantiu ter “confiança absoluta” em Guedes.

– Muitas políticas abalaram a economia, como o “Fique em Casa e vemos depois”. Fizemos muitos programas e encerramos 2020 com mais empregos do que [os que] foram fechados. Ainda tem muito a se resolver do “Fique em casa”. Muita gente [está] em situação difícil; inflação em alta. Mas Brasil é um dos países que menos estão sofrendo – destacou.

O presidente também falou sobre o auxílio que será concedido aos caminhoneiros.

– Não queremos tomar nenhuma medida que afete a economia. O valor que chegamos [de R$ 400] para o benefício foi negociado dentro do governo. Vamos ter mais aumento nos preços dos combustíveis. Não vai ter congelamento. Então decidimos ajudar os caminhoneiros. Essa ajuda vai custar R$ 4 bilhões por ano – ressaltou.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock Detectado

Por Favor, ajude-nos a manter esse site no ar. Retire o bloqueador de anúncios.