Notícias

“Não somos três Poderes, somos dois”, diz presidente Bolsonaro

Presidente afirmou que Executivo e Legislativo trabalham em harmonia atualmente

Durante seu discurso na manhã deste sábado (28), em Goiânia (GO), no Encontro de Lideranças Políticas e Empresariais, o presidente Jair Bolsonaro voltou a alfinetar o Supremo Tribunal Federal (STF) ao afirmar que “não somos três Poderes, somos dois”. De acordo com o presidente, “Executivo e Legislativo trabalham em harmonia”.

Citando mais diretamente o Supremo, Bolsonaro lembrou o julgamento do marco temporal para a demarcação das terras indígenas, previsto pelo STF para ocorrer na próxima semana, e destacou que, a depender da decisão a ser tomada pela Suprema Corte, o agronegócio no país poderia ficar inviabilizado.

– Nós praticamente deixaríamos de produzir, exportar, e sequer teríamos como garantir nossa segurança alimentar – destacou.

O líder ainda afirmou que “o que for decidido lá pelo outro poder, tem reflexo nos outros dois poderes”, e ressaltou que, em caso de decisão contrária ao governo, tem duas opções, uma delas já decidida. Sem entrar em detalhes sobre qual seria essa decisão, o presidente disse apenas que é “a que interessa ao povo e está do lado da Constituição”.

– Não vou dizer agora, mas já está decidido. É a que interessa ao povo e está do lado da Constituição – concluiu.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock Detectado

Por Favor, ajude-nos a manter esse site no ar. Retire o bloqueador de anúncios.