Morre Marina Mamede, ativista de esquerda de 34 anos

A causa da morte não foi revelada; ela deixa três filhos
Marina Mamede 1 Marina Mamede 1
Marina Mamede Foto: Instagram @marinamamede

A causa da morte não foi revelada; ela deixa três filhos

A streamer e ativista política Marina Mamede morreu neste sábado, 6, aos 34 anos, deixando três filhos. A causa da morte não foi revelada.

Por meio das redes sociais, o deputado federal André Janones (Avante-MG) confirmou e lamentou o falecimento da influenciadora: “Recebi com muita tristeza a notícia da partida da Marina Mamede que foi covardemente perseguida por suas posições políticas. Que Deus a receba em sua infinita misericórdia e conforte o coração da família”.

A Polícia Civil e a prefeitura da cidade confirmaram a morte da mulher de 34 anos, dizendo que o corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML).

A PCMG esclarece que a perícia oficial esteve no local realizando os levantamentos necessários à investigação. Tão logo seja possível, outras informações serão divulgadas – disse a Polícia Civil.

Marina se destacou nas redes sociais por sua posição política a favor das questões da esquerda. Além disso, ela era a presidente do Conselho Municipal de Segurança Alimentar Nutricional Sustentável (Conseas-OP). Ela deixa para trás três filhos.


Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *