NotíciasPolítica

“Imprensa em situação de insegurança”, diz jornalista Vera Magalhães sobre decisão do STF

Preocupação da apresentadora do “Roda Viva” com decisão do STF sobre responsabilidade da imprensa

A apresentadora do programa “Roda Viva” da TV Cultura, Vera Magalhães, demonstrou preocupação com a recente decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) de responsabilizar os meios de comunicação pela divulgação de entrevistas que possam conter acusações falsas feitas pelos entrevistados. Segundo ela, essa decisão gera uma sensação de incerteza jurídica, principalmente para programas que são transmitidos ao vivo.

Vera levantou em sua conta no X, anteriormente conhecido como Twitter, a possibilidade de antecipar o que será dito em entrevistas ao vivo, como as que acontecem em seu programa. André Marsiglia, especialista em liberdade de expressão e direito constitucional, concordou com essa preocupação. Para ele, a decisão do Supremo Tribunal Federal representa um perigo para o trabalho jornalístico, já que transformar um direito em risco é algo que não faz sentido.

Segundo Marsiglia, em entrevista ao jornal Estado de São Paulo, a decisão do STF restringe o jornalismo político e investigativo, além de colocar em perigo as transmissões ao vivo de entrevistas. Ele também apontou críticas aos critérios utilizados pelo STF, alegando que são vagos e podem resultar em mais processos judiciais contra profissionais de imprensa.

Artigos relacionados

7 Comentários

  1. Pau que dá em Chico também dá em Francisco . Vocês jornalistas canalhas apoiaram esses ditadores agora serão engolidos também

  2. Sentiram que a “água já está batendo na b…” Bem feito! Agora digam que”o amor venceu”! Fazueliii!!

  3. Essa jornalista, que tanto atacou Bolsonaro, apoiou descaradamente esse Carniça e agora vem com esse Papo….? Falta de aviso não foi…Bando de jornalistas canalhas, sem compromisso com a verdade. Vão se ferrar tambem.

  4. Pobre menina rica.Verinha da esquerdálha pútrida e mal cheirosa ,sentindo o quão infeliz será a catrefa da imprensa marrom,que tripudiou por 4 anos Bolsonaro. Nunca é tarde para ser feliz,turminha que “fezueli”. Sem contar com o “dinossaurolipo” que está chegando no STF com a faca nos dentes. “Fazmerir”.

  5. Está fazendo cena, nos últimos anos ela tem aplaudido todas as decisões ditatoriais do STF. Ela faz parte do jogo, isso não
    é repórter é agente infiltrada.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo