Governo Encontra Móveis Do Alvorada Após Lula Acusar Bolsonaro Sem Provas E Recomprar Peças De Luxo Por R$ 196,7 Mil

Presidência da República localiza todos os 261 bens desaparecidos do Palácio da Alvorada
Lula E Janja Lula E Janja
Foto: Reprodução/X

Presidência da República localiza todos os 261 bens desaparecidos do Palácio da Alvorada

A Presidência da República encontrou todos os 261 bens do patrimônio do Palácio da Alvorada que estavam supostamente desaparecidos. No início do ano passado, o presidente Luiz Inácio da Silva (PT) e a primeira-dama Janja reclamaram das condições da residência oficial e apontaram que alguns móveis do patrimônio estavam faltando.

O suposto sumiço dos móveis também havia sido um dos motivos alegados pelo para o gasto de R$ 196,7 mil em móveis de luxo.

Durante um café da manhã com jornalistas no ano passado, Lula afirmou sem provas que o ex-presidente (PL) e sua mulher e ex-primeira-dama Michelle Bolsonaro (PL) “levaram tudo” do Alvorada.

Após as falas do petista, a Secom deLula divulgou a informação de que 261 bens do patrimônio da Alvorada haviam sumido, reconhecendo posteriormente que esse número caiu para 83 móveis e outros itens.

Porém, um levantamento feito pelo próprio Governo Lula concluído em setembro do ano passado constatou que nenhum móvel ou bem do patrimônio do Palácio da Alvorada estava extraviado.


2 comments

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *